Ave Luz

Alegra-te cheia de graça!

 

Devoção à Sagrada Face

"Sagrada Face" ou "Santa Face" (para ser mais fiel ao termo francês), foi objeto de especial afeição por parte de santa Teresinha. Vejamos porque a Sagrada Face participa ativa-mente do "corpus" da espiritualidade de Santa Teresinha. Entender o amor de Teresa à Sagrada Face poderá nos ajudar a enriquecer nossa compreensão da caminhada teresiana, a passos largos, rumo à santidade.

As famílias Martin e Guérin (tios de santa Teresinha) nutriam uma grande devoção à Santa Face de Jesus, incentivados pelo "santo homem de Tours", o Sr. Dupont e pela espiritualidade de Irmã Maria de São Pedro e da Santa Face, carmelita na mesma cidade de Tours, na França (1816-1848).

O Sr. Isodore Guérin, tio de nossa santa, ao ler a vida do famoso homem de Tours, tornou-se devoto da Santa Face e, por seu intermédio, foi instalado um quadro da Sagrada Face em uma das capelas laterais da catedral de São Pedro, em Lisieux.

Teresinha amava muito este quadro. No coro do Carmelo havia também um quadro da Sagrada Face e nossa padroeira fará dela uma reprodução que será colocada no cortinado do seu leito de enfermo para, assim, contemplar com amor a Face querida do seu Bem-Amado (CA 5.8.9).


Aos 12 anos, Teresa se inscreve na Confraria reparadora de Tours (26.04.1885). A partir de 19.01.1889, data de sua tomada do hábito, Irmã Teresa do Menino Jesus completará seu nome religioso, passando a assinar "da Santa Face". Deu tanta importância este acréscimo, que ora escreve "Ir. Teresa do Menino Jesus e da Sagrada face", ora escreve "Ir. Teresa do Menino Jesus da Santa Face".


No segundo modo de assinar, ela retira a preposição, talvez para ressaltar sua íntima ligação com a Sagrada Face. Provavelmente queira também mostrar o profundo nexo que une o mistério da Encarnação (Belém) ao da Paixão e Morte (Calvário), único e arrebatador mistério da bondade misericordiosa do Senhor.


Aos diversos sofrimentos próprios à vida religiosa, vividos por Teresa desde os 15 anos, deve-se acrescentar os advindos pela enfermidade mental de seu pai. Em 12,02,1889, o Sr. Martin precisa ser hospitalizado. Nesta situação de dor, Teresa escreve à sua irmã Celina:

"Jesus arde em amor por nós... Olhe sua face adorável!... Olhe estes olhos fechados e abaixados!... Olhe essas chagas... Olhe Jesus na sua Face. Lá você verá como ele nos ama." (Carta 87).

Encontraremos diversos comentários sobre a Santa Face em outras cartas:

"Sim, a face de Jesus é luminosa, mas se em meio às feridas e às lágrimas ela já é tão bela, como não o será quando a virmos no céu?... Oh, o céu, o céu! (Carta 95)

"Seu rosto estava escondido!... Ele o está ainda hoje, pois quem é que compreende as lágrimas de Jesus?" (Carta 105)

Exibições: 64

Respostas a este tópico

Sempre fui devota de Santa Terezinha, agora aprendendo mais sobre essa devoção a qual ela se dedicou fico

mais encantada com sua trajetória espiritual. Com certeza teremos aqui grandes ensinamentos para levarmos em nossas vidas.

Nesse mundo tão cheio de problemas como estamos vivendo, isso nos serve de bálsamo para nossas almas, trazendo um pouco de paz e segurança.

Resultado de imagem para santa terezinha e a Sagrada Face

Resultado de imagem para santa terezinha

RSS

© 2017   Criado por Regina Maria.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço