Ave Luz

Alegra-te cheia de graça!

Dia dos Pais... Lembrando-nos de nossos pais e do Pai do Universo e todos os seres...

Imagem compartlhada de: http://jesusamaospequeninos.blogspot.com.br/2012/06/jogo-dos-sete-e...

Dia dos Pais...  Lembrando-nos de nossos pais

e do Pai do Universo e todos os seres...

A Vida é sempre um milagre a cada dia e nossos pais nos inspiram a imensa riqueza das bênçãos, graças e dons de Deus  em nossas vidas.

 

Sempre que uma criança nasce e sorri para a Vida neste mundo, alguém é tocado no profundo de seu coração.

 

O que é o Amor, o que é a Vida, o que é Deus ? Como ele vem ao nosso encontro, a cada dia?

 

Deus não vem no vento que sopra impetuosamente e desfaz montanhas e quebra rochedos...  E nem em  terremotos que fazem a terra tremer...  Também não se apresenta no fogo que consome...  Diz-nos uma passagem das Escrituras  (1Rs 19,9a.11-13a).

 

Ele se faz presente no silêncio, na serenidade, na paz, no murmúrio de uma leve brisa.

 

É o que nos inspira também  Jesus, numa passagem do Evangelho, ao caminhar sobre as águas que, de um mar impetuoso, se transformam em águas plácidas, serenas...

 

Nas tempestades, chamamos por Jesus, lembramos que temos um Pai nos céus...  E por Ele nos amar verdadeiramente, infinitamente, vem ao nosso encontro de braços abertos.

 

A nossa Fé, semente plantada por Deus em nossas vidas, nos move até Ele. Nos faz serenar em meio às tempestades e, então, o mar não se agita,  mas se torna como um canto suave à Vida.

 

Ao depositarmos nossa inteira confiança em Deus, ao recebermos sua sagrada Paz em nossas vidas, seu eterno Amor, tudo é preenchido por Ele, por sua Luz.

 

Entretanto, ao nos esquecermos que somente Ele pode ser o centro de nossas vidas, como é a razão de ser de todo o Universo, depositando então mais confiança em nós mesmos, e no que podemos ser e fazer unicamente por nossa própria vontade ou conquistas pessoais, nos desconectamos da própria Fonte da Vida.

 

A cada um de nós, Ele confiou um dom, que é preciso cultivar e cuidar como uma semente que desperta, germina, cresce e floresce, para revelar-se em frutos e flores que alimentam e conferem beleza e harmonia à Vida.

 

O infinito conjunto de dons distribuídos em todos os pontos da Terra, nos faz refletir na grandiosidade de Seu Amor, de Seu incomensurável poder e glória que, num profundo ato de doação contínua, preenchem todo o Universo de beleza e riqueza de Vida.

 

Lembremo-nos dessa suave canção “Ah, filho meu pequenino” e o que ela nos inspira...

 

Não podemos caminhar por nossos próprios pés se esquecermos que temos um Pai, que é Pai de todos, e que nos ama com profundo Amor.

 

Como nossos pais nos permitiram ver a Luz e conhecer as belezas e riquezas deste mundo, caminhando conosco desde o berço, de uma forma ainda inconcebível ou inimaginável pelo ser humano, Deus se faz presente a todo momento e nos fala ao coração, no suave murmúrio de uma leve brisa.

 

Que Deus abençoe todos os pais, presentes e os que se encontram junto a Ele!

 

Silvana Maria –  10 de Agosto de 2014 (Dia dos Pais)

Exibições: 225

Comentar

Você precisa ser um membro de Ave Luz para adicionar comentários!

Entrar em Ave Luz

Comentário de Roberto Ferraz Silveira Junior em 11 agosto 2014 às 14:03

Muito Obrigado!

Comentário de Elizabeth Pereira Teles em 10 agosto 2014 às 22:13

Obrigada,que deus abençõe todos os pais neste dia.

Comentário de Eloi Lorente Gallego em 10 agosto 2014 às 17:20

Obrigado pela lembrança!

Comentário de Roseane Valle em 10 agosto 2014 às 16:56

Grata

© 2020   Criado por Regina Maria.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço