Ave Luz

Alegra-te cheia de graça!

Evangelho do dia - (Jo 2,13-22) - Os vendilhões do Templo


Ache outros vídeos como este em Ave Luz

Evangelho (Jo 2,13-22)

— O Senhor esteja convosco!

— Ele está no meio de nós!

— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor!

 

13Estava próxima a Páscoa dos judeus e Jesus subiu a Jerusalém. 14No Templo, encontrou os vendedores de bois, ovelhas e pombas e os cambistas que estavam aí sentados. 15Fez então um chicote de cordas e expulsou todos do Templo, junto com as ovelhas e os bois; espalhou as moedas e derrubou as mesas dos cambistas. 16E disse aos que vendiam pombas: “Tirai isto daqui! Não façais da casa de meu Pai uma casa de comércio!” 17Seus discípulos lembraram-se, mais tarde, que a Escritura diz: “O zelo por tua casa me consumirá”. 18Então os judeus perguntaram a Jesus: “Que sinal nos mostras para agir assim?” 19Ele respondeu: “Destruí este Templo, e em três dias o levantarei”. 20Os Judeus disseram: “Quarenta e seis anos foram precisos para a construção deste santuário e tu o levantarás em três dias?” 21Mas Jesus estava falando do Templo do seu corpo. 22Quando Jesus ressuscitou, os discípulos lembraram-se do que ele tinha dito e acreditaram na Escritura e na palavra dele.

 

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Jesus estava falando do Templo do seu corpo. Padre Queiroz

Sábado - 9 de Novembro de 2013 - Evangelho - Jo 2,13-22
Jesus estava falando do Templo do seu corpo.
Hoje nós celebramos o aniversário da dedicação da Igreja de Latrão. Dedicação é inauguração junto com a bênção do novo prédio. A Igreja de Latrão fica em Roma e foi construída pelo imperador Constantino no século IV. Chama-se Igreja Cristo Salvador. O nome popular Igreja (ou Basílica) de Latrão é porque fica no Bairro Latrão. Ela é a catedral da diocese de Roma, cujo bispo é o Papa, e é considerada a mãe e cabeça de todos os templos de Roma e do mundo católico-romano.
Para nós, celebrar o aniversário da bênção desta igreja é renovar a nossa adesão à cátedra de S. Pedro. Cátedra significa cadeira. Os papas vão se sucedendo, mas a cátedra deles é a mesma e o primeiro que se sentou nela foi S. Pedro.
No fundo, hoje é a  bênção da igreja catedral da nossa diocese, da nossa igreja matriz, ou da nossa capela, apesar de geralmente não sabermos o dia em que ela foi abençoada e inaugurada.
O Evangelho narra a expulsão dos vendilhões do Templo. O gesto de Jesus, de expulsá-los, foi porque, como Jesus disse, eles estavam transformando a casa de Deus em local de comércio. O gesto mostra o amor de Jesus a Deus Pai e o zelo que ele tinha em proteger as coisas mais ligadas a ele. Daí a lembrança dos discípulos, da frase que está no Salmo 69,10: "O zelo por tua casa me consumirá".
Nós também precisamos zelar pelo bom ambiente da nossa igreja ou capela. Que tudo favoreça a oração: o silêncio, a limpeza, boa ornamentação e decoração, e principalmente o nosso bom exemplo. Através desse zelo manifestamos o nosso amor a Deus.
“Estava próxima a Páscoa dos judeus.” É assim que o evangelista João começa a narrar a cena, para nos lembrar que a morte de Jesus aconteceria naquela Páscoa. Jesus foi corajoso; mesmo sabendo do perigo que corria, defendeu com energia a Casa de Deus.
“Destruí este Templo, e em três dias o levantarei”. Jesus está falando do Templo do seu corpo. Ele dá um passo à frente e lembra que o principal templo de Deus é o nosso corpo, onde Deus habita, desde o nosso batismo. "Acaso não sabeis que sois templo de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós? Se alguém destruir o templo de Deus, Deus o destruirá, pois o templo de Deus é santo, e esse templo sois vós" (1Cor 3,16-17).
E mais na frente S. Paulo fala: “Como o corpo é um, embora tenha muitos membros, e como todos os membros do corpo, embora sejam muitos, formam um só corpo, assim também acontece com Cristo. De fato, todos nós, judeus ou gregos, escravos ou livres, fomos batizados num só Espírito, para formarmos um só corpo... Vós todos sois o corpo de Cristo e, individualmente, sois membros desse corpo” (1Cor 12,12-13.27). É importante zelar pela Igreja viva, que é a Comunidade cristã, porque ela é o referencial de caminho, verdade e vida para o povo, mesmo para os que não a freqüentam. “Se o sal perde seu sabor, com que se salgará?” (Mt 5,13).
Certa vez, uma congada fez a sua apresentação de músicas e danças numa igreja. A fim de que todos pudessem ver, fizeram no presbitérios, isto é, subiram os degraus e apresentaram bem pertinho do Altar.
No final, ao saírem de lá, todos eles desceram os degraus de fasto. Alguém perguntou depois ao grupo por que fez aquilo. Eles responderam que foi para não virarem as costas para o Altar, que representa Jesus Cristo, o Rei dos Reis.
A congada é uma dança que, no Brasil, foi criada pelos escravos vindos do Congo. E lá, as pessoas da corte não viram as costas para o rei, mas saem de sua presença de fasto. É um sinal de respeito que eles têm para com o rei.
Nós precisamos respeitar mais a nossa igreja, pois é a casa de Deus, a casa do nosso Rei Jesus.
Maria Santíssima, na Ladainha, é chamada de Casa de Ouro, porque o seu seio abrigou o Rei do universo, que é representado pelo ouro, o rei dos metais. Que ela nos ajude a zelar pela nossa igreja ou capela.
Jesus estava falando do Templo do seu corpo.

Padre Queiroz

Sábado, 9 de Novembro de 2013

Dedicação da Basílica São João de Latrão

Hoje a Igreja universal celebra a festa da igreja-mãe de todas as igrejas de Roma e do mundo: a dedicação da basílica do Santíssimo Salvador ou de São João de Latrão. Esta basílica foi construída por Constantino na colina de Latrão ou Lateranense, quando era papa Melquíades (311-314). Ao contrário do que muitos pensam, é esta basílica e não a basílica de São Pedro, no Vaticano, o templo mais antigo. Aqui foram celebrados cinco Concílios ecuménicos. Nela se guardam relíquias. A festa de hoje tem um carácter importante, que é celebrar a unidade e o respeito para com a Sé Romana
 
(Fonte: Evangelho Quotidiano)
Leitura para este Sábado

Por que amo Maria

Tratado substancial e completo dos principais motivos de devoção para com a Virgem Maria segundo os
Santos Padres, os Doutores e os Santos
pelo Pe. Júlio Maria, missionário de Nossa Senhora do SS. Sacramento
Livro de 1945

Exibições: 427

Comentar

Você precisa ser um membro de Ave Luz para adicionar comentários!

Entrar em Ave Luz

Comentário de Juli em 9 novembro 2013 às 16:16

Muito Obrigada um beijinho de coração

Comentário de Roseane Valle em 9 novembro 2013 às 15:21

Grata Regina

Comentário de gevson teixeira de moura em 9 novembro 2013 às 10:40

Que a nossa mãe santíssima, que está no ceu, proteja a mim, e minha família em seus braços, assim como protegeu seu filho JESUS CRISTO, e nos livre de todo o mau, assim também como a todos os seus devotos, juntamente com suas famílias.Amém!

© 2019   Criado por Regina Maria.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço