Ave Luz

Alegra-te cheia de graça!

Blog de Marlucia Divina da Silva Medeiro (5)

No poema a Maria e Mãe da esperança acrescentei capitulos bíblicos na intenção de que:

Acrescentei os capítulos e versículos bíblicos, caso o leitor queira meditá-los, escrevi ''MARIA MÃE DA ESPERANÇA E POEMA A MARIA'', Apos minhas leituras espirituais, e meditar varias vezes a bíblia, O senhor tem mostrado, dois aspecto da realidade, ou seja, dois caminhos, o que o homem segue errado, e o que ele pode seguir! A mulher como era símbolo de preconceito, pequenez e descriminação, o senhor demonstra através de toda história, e caminhada terrena a importância desta mulher, Em Ana,… Continuar

Adicionado por Marlucia Divina da Silva Medeiro em 13 setembro 2009 às 9:47 — Sem comentários

Nazareno ''Um sacerdote de Deus''

Nazareno um sacerdote de Deus ouviu um chamado

De Roma ao Brasil o padre foi enviado

Jaurú Mato Grosso, chegava o missionário

Sacramentos orações, sua própria vida

O bom pastor levava as ovelhas reunidas

Em cenáculos com Maria adorando a eucaristia!



O rebanho eram os humildes, pobres pecadores,

Lhes dando alimento e escola, hospital, amor e abrigo...

Socorreu necessitados, doentes e desvalidos...

Foi evangelho bem pregado, porém muito mais… Continuar

Adicionado por Marlucia Divina da Silva Medeiro em 13 setembro 2009 às 9:42 — Sem comentários

Mãe da esperança

Ela existiu desde sempre foi por Deus, profetizada, escolhida e única, envolvida em mistérios e planos, do pai, filho e espírito santo! Divinamente foi três vezes admirada! Por ser a mãe de um Deus conosco, mãe do salvador e sofrido e a mãe de todos nos remidos. Nela Deus confiou a plenitude de seus dons, por isto a constituiu, cheia de graça! Portanto bem aventurada, entre todas as gerações e as raças! Mulher corajosa, educadora e carinhosa vazia de si, e o coração repleto em Deus! Cheia de fé… Continuar

Adicionado por Marlucia Divina da Silva Medeiro em 13 setembro 2009 às 9:39 — Sem comentários

Poema a Maria

Deus ao criar, escrever e fazer a historia, Jamais deixou de falar das santas, Valentes e sábias mulheres, Que em todas as gerações, Ficariam na memória! O povo de Deus rezava... Lutava e também sofria, mas te procurava Maria! Em Ana que tinha fé, (1 Samuel cap. 02, v 01 ao 11) Na valente Judith, (Judith 13, v 23 ao 25 / cap. 16, v 1 ao 25) Na encantadora Éster! (Éster cap. 07, v 01 aos 04 / cap. 2, v 12 aos 18). Única a Deus tu já eras... Esmagadora do mal, e o sustentáculo da fé, Que em… Continuar

Adicionado por Marlucia Divina da Silva Medeiro em 13 setembro 2009 às 9:38 — Sem comentários

Poema a Maria

Deus ao criar, escrever e fazer a historia, Jamais deixou de falar das santas, valentes e sábias mulheres, que em todas as gerações, ficariam na memória! O povo de Deus rezava... Lutava e também sofria, mas te procurava Maria! Em Ana que tinha fé, (1 Samuel cap. 02, v 01 ao 11) Na valente Judith, (Judith 13, v 23 ao 25 / cap. 16, v 1 ao 25) Na encantadora Éster! (Éster cap. 07, v 01 aos 04 / cap. 2, v 12 aos 18). Única a Deus tu já eras... Esmagadora do mal, e o sustentáculo da fé, Que em… Continuar

Adicionado por Marlucia Divina da Silva Medeiro em 5 agosto 2009 às 10:46 — Sem comentários

© 2020   Criado por Regina Maria.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço